Esta medida não é nova, desde 1998 vem sendo definido e recomendado por órgãos internacionais e desde então, vem sendo implementado no mundo. No Brasil, somente em 2005 teve início a implementação do bloqueio.

Na verdade o bloqueio é feito pelos provedores de conexão e companhias fornecedores de ADSL ou links dedicados e VPN’s, pois os provedores de serviço web mantém a porta 25 operacional, isto porque em certas situações, aplicativos web, como scripts PHP, podem ter programação que usa a porta 25, neste caso, não resulta em nenhum problema de bloqueio, já que a comunicação ocorre de servidor para servidor, não passa por nenhuma conexão ADSL.

Muito embora ainda existam servidores web com a porta 25 ativa para permitir a comunicação via scripts, com as recomendações já em andamento desde 2010, em que se exige que o script autentique a conexão via SMTP, isto é, passa a usar a porta 587 também nas conexões dos webservers. Neste caso, vemos que aos poucos a porta 25 vem sendo gradativamente inutilizada e culminará no seu bloqueio completo, portanto, se você é desenvolvedor, evite o uso da porta 25 em seus scripts.

Secure SSL/TLS Settings (Recomendado)

Nome de usuário: email@dominio.com.br
Senha: Use a senha da conta de email.
Servidor de entrada: mail.dominio.com.br

  • IMAP Port: 993
  • POP3 Port: 995
Servidor de saída: mail.dominio.com.br

  • SMTP Port: 465
IMAP, POP3 e SMTP require authentication.
Configurações não SSL

Nome de usuário: email@dominio.com.br
Senha: Use a senha da conta de email.
Servidor de entrada: mail.dominio.com.br

  • IMAP Port: 143
  • POP3 Port: 110
Servidor de saída: mail.dominio.com.br

  • SMTP Port: 587
IMAP, POP3 e SMTP require authentication.

#gctecsistemas #cappuano